RSS
Imagem

As Vantagens de Ser Invisível

04 fev

Primeiro romance de Stephen Chbosky, As Vantagens de Ser Invisível é um livro narrado em primeira pessoa por Charlie, personagem principal que conta a história da própria vida. O livro é escrito em formas de cartas que são enviadas a um destinatário anônimo em quem Charlie confia para ser seu confidente, porém ele pede para se fazer desconhecido e nem espera por respostas.

O livro divide-se em quatro partes. Em cada uma delas você percebe uma faceta diferente e até então oculta do personagem principal que, ao longo do livro, vai se mostrando mais sombrio e misterioso contrastando com a primeira parte em que Charlie parece ter bem menos idade do que os 15 anos que então possui.

O livro inicialmente parece tratar de assuntos triviais e ser apenas mais um romance sobre as turbulências da adolescência que abarrotam as estantes das livrarias, porém ele vai mais além: O livro já inicia com tom de mistério devido a assuntos nunca discutidos no meio familiar do protagonista, o que levanta suposições sobre o passado; evolui apresentando-nos Charlie como alguém totalmente diferente do tipo de pessoa que imaginávamos ser, culminando com uma obra que trata de assuntos polêmicos e delicados da sociedade de forma simples e objetiva, sem tabu, de forma que o drama da narrativa desenrola-se de forma clara, envolvente e tangível sendo facilmente absorvida pelo leitor.

Iniciei o livro buscando uma leitura simples de puro entretenimento, porém não foi exatamente isso que encontrei. Não sei se isso já ocorreu com você, leitor, mas As Vantagens de Ser Invisível foi para mim um daqueles livros que devem ser lidos novamente para obter uma opinião definida e clara.

Se me pedissem para escolher uma única palavra que o descrevesse eu diria INTRIGANTE.

Recentemente o livro foi adaptado para o cinema com as atuações de Emma Watson, Ezra Miller e Logan Lerman nos papéis principais. Ainda não assisti, mas pretendo faz isso logo.

Por favor, compartilhem comigo suas experiências com esse livro. Adoraria trocar ideias. Visitem também o canal do youtube onde faço também as resenham em vídeos!

 

 
6 Comentários

Publicado por em 4 de fevereiro de 2013 em Resenha

 

6 Respostas para “As Vantagens de Ser Invisível

  1. Epitácio Carvalho

    4 de fevereiro de 2013 at 13:43

    Sempre julguei esse livro pela capa. Igualmente achava que era mais um livro cujo enredo é restrito ao interesse dos adolescentes. No entanto, acabo de quebrar a cara ao ler esta resenha, Dener, pois ficou claro que o livro não é exatamente o que eu julgava. Vou agora me redimir lendo o livro. Realmente, julgar o livro pela capa, representa um erro imbecil. Tá vendo, Dener? Suas resenhas estão sempre me ajudando de alguma forma. Valeu de novo. Abraço!!!

     
    • denerb

      4 de fevereiro de 2013 at 14:32

      Já vi vlogueiros dizendo que o livro não passa muito do que você falou, mas eu encarei o livro um pouco como um romance pisicológico…
      Leia e depois vem me dizer o que achou ok?

       
  2. Lulu

    10 de fevereiro de 2013 at 15:41

    ‘As Vantagens de Ser Invisível’ está sendo bastante comentado desde o lançamento do filme. Ah, não vi o filme e nem li o livro, mas julgado pela capa dá para imaginar que seja “mais um romance sobre as turbulências da adolescência” (com um psicopata no enredo, rs). Dener, uma pena que o livro tenha vindo num momento que você estava precisando de outro tipo de leitura.

     
    • denerb

      11 de fevereiro de 2013 at 13:39

      Obrigado pelo comentário. Apesar de não ser o livro que procurava no momento eu gostei bastante dele. Pra mim o filme completou o livro. Não sei se me diz entender.  ;-)

      Enviado por Samsung Mobile

       
  3. Lucas

    27 de fevereiro de 2013 at 21:55

    Dener, meu medo de ler esse livro é justmente porque a blogosfera INTEIRA elogia ele. Aconteceu com Belo Desastre e me arrependi😡 Parabéns pelo blog, resenha e esse layout. Eu amo esse layout *-*
    descobrindolivros.blogspot.com.br
    Pode seguir e comentar? Abç

     
    • denerb

      28 de fevereiro de 2013 at 4:11

      Cara, se o livro te deixou curioso para ler, leia! Só porque todo mundo gostou não quer dizer que você tenha que gostar também. A beleza da coisa está exatamete em trocar idéias, se todos achássemos a mesma coisa de tudo que graça teria. Leia para você e por você e se alguém reclamar da sua opinião manda catar coquinho! hahahaha depois venha aqui me dizer qual foi sua opinião… ;D

       

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Isaac Sabe!

Seja o Newton, o Asimov ou o seu Isaac da esquina.. ele sabe!

%d blogueiros gostam disto: